Home
Como emagrecer no inverno!
Compulsão,vício por doces!
Emagrecer usando sua imaginação!
Laudo para cirurgia bariátrica
Livro Pense Magro - Judith Beck
Pensemagro
Depoimentos
Orientação on-line !
Pense Magro
Quem Somos
A profissional
História de Sucesso - Rejane Sbrissa
Tabelas
Obesidade
Cirurgia Bariátrica,quando o que se perde é mais que apenas peso.
O que é?
Você sofre de obesidade?
Obesidade Infantil
Obesidade na Adolescencia
Nutrição
Disturbios Alimentares
Você se Conheçe?
Auto Imagem
Fome Fisica x Fome Emocional
Como Emagrecer
Diabetes
Orientação Nutricional
Testes
Adolescentes
Pronto para Manter o Peso?
Sua Auto Imagem
Você se conhece?
Receitas Pense Magro
Fale Conosco
 
Orientação Nutricional - Saiba a diferença entre Diet e Light

Saiba a diferença ente Diet e Light

Muitas pessoas ainda confundem os alimentos diets com os lights e muitas vezes não sabem nem ao certo que eles significam. Mas para você entender um pouco melhor, leia o texto a seguir e saiba diferenciar os alimentos diets dos lights.
Os alimentos diets são aqueles:
  • Alimentos para dieta com restrição de algum nutriente (carboidrato, gordura, proteína, sódio, etc.),
  • Alimentos para ingestão controlada de nutrientes
  • Alimentos para grupos específicos (diabéticos, cardiopatas, fenilcetonúricos, celíacos)
Quando os alimentos são para uma dieta com restrição de algum nutriente, o mesmo não pode estar presente na composição do alimento. Ou seja, quando um alimento é para quem tem restrição de açúcar, não pode haver nenhum açúcar de adição, só o já presente naturalmente no alimento.

Os alimentos restritos em proteínas devem ser isentos desse nutriente. Já os com restrição carboidratos (chocolate diet, pão diet, refrigerante diet, etc.) podem conter no máximo a adição de 0,5g do nutriente por 100g ou 100ml do produto. Assim como os restritos em gorduras.

Normalmente os alimentos diets apresentam baixa quantidade de calorias, mas isso não acontece sempre, é o caso do chocolate diet, que apesar de não ter açúcar, tem muitas calorias vindas da sua alta taxa de gordura. Portanto se você precisa emagrecer, verifique a quantidade de calorias do alimento diet que você vai consumir, caso contrário você corre o risco de ingerir uma quantidade enorme de calorias.No caso do chocolate, se você não for diabético, a melhor saída e consumir o chocolate convencional, pelo menos o sabor é mais agradável.

Os alimentos lights são aqueles que apresentam uma redução de no mínimo 25% em determinado nutriente ou em calorias, comparado ao alimento convencional.

Para que o alimento tenha a quantidade de calorias reduzida, é necessário que algum nutriente que veicule calorias (proteína, gordura e carboidrato), seja reduzido. Quando ocorre a redução de qualquer nutriente que não adicione calorias ao alimento, o teor calórico do produto será igual apesar dele ser light, isto acontece em produtos com redução de sódio.

A diferença básica entre o diet e o light é que o alimento diet deve ser isento de determinado nutriente, enquanto que o light pode ter este mesmo nutriente em quantidades menores que as convencionais.

Sendo assim, os diabéticos, celíacos, cardíacos, hipertensos e fenilcetonúricos devem ter atenção ao consumir alimentos lights, pois às vezes a redução é grande o bastante para deixar o alimento isento de determinado nutriente, mas na maioria das vezes isso não acontece e é aí que mora o perigo.

Crie o hábito de ler os rótulos dos alimentos e verificar a composição nutricional dos mesmos, assim você não corre o risco de errar. E lembre-se se você pretende emagrecer o alimento só terá o efeito desejado se você consumir em quantidades adequadas, não é porque é diet que você irá comer o dobro.
 
Graziela Souza Brochim
Nutricionista
 
Pão Integral,conheça alguns benefícios
Pratos coloridos:entenda um pouco o poder das cores
Conheça um pouco mais sobre a Soja
Saiba a diferença entre Diet e Light
Osteoporose
 
 
 
 
 
Pense Magro - pensemagro@pensemagro.com.br - Todos os direitos reservados
Desenvolvido por Tudonanet